DIGINIDADE

Queridos eu sei que nunca fiz esse tipo de post aqui no blog, porém, tive um insight tão bom, mas tão bom em dois posts no face, que achei que mereciam ser compartilhados aqui, achei que mereciam mais que apenas serem visualizados pelos meus amigos, este é o primeiro e o outro chama inveja, espero que gostem curtam, comentem, deem tweets, G+1 e tudo mais que houver direito!! 😉

Sobre a dignidade:

Se alguém ofendeu sua honra, se imputou a você uma mancha sobre seu nome, acusando-o de coisas graves e não se preocupou com as consequências injustas que você poderia sofrer, este alguém, não é alguém que sequer mereça um olhar seu!
Se alguém foi capaz de ser covarde o bastante, para tentar ferir, sem se preocupar com as consequências, quem não podia se defender, este alguém não merece, ser sequer olhado!
Quando alguém age pelo mau e para o mau, não se trata de alguém digno, um desonrado por vezes pode tentar te ferir, posteriormente retornar a sua frente para exibir seu suposto triunfo, se você olha pra ele, se conversa com ele, o indigno é você, isto não se trata de confrontar, de uma batalha, pois não há batalha quando a energia não lhe afeta, também não se trata de magoa uma vez que aquela presença é tão somente nula pra você!
Dignidade e Retidão, é saber valorizar a sua honra, é auto respeitar-se, quem não se auto respeita, consegue olhar nos olhos de um algoz, consegue com ele até trocar palavras, por que ali há no final e tão somente, o desejo egoico de mostrar-se superior e vitorioso, porém não há nada mais inferior que isto, quem é verdadeiramente superior não vive querendo provar nada a ninguém, o que ele possui lhe basta, simples assim!
E por um antigo algoz, você não sente, não olha e não fala, apenas passa através, por que alguém que perdeu sua honra, não mais existe!
Se lhe apontar armas, você não lutará com ele, lutará com as armas, pois armas não precisam de honra para existir, com essa consciência você passará através delas!
Se lhe imputar calunias, você apenas mostrará os fatos, pois os fatos para existirem precisam de honra ou desonra, obrigatoriamente.
Mas a desonra em sí consiste, apenas em um indivíduo que deixou de existir, como uma morte, restando um fantasma e de fantasmas se passa através.
A desonra é tão somente a vontade cruel de se prejudicar alguém, quem age assim já esta além de morto, pois os mortos reencarnam, revivem, reaprendem, quem de maneira tão cruel age, talvez nunca sequer tenha existido, é só abismo!

Compartilho um antigo ensinamento, por que o que se aprende, mesmo quando se comete erros, se morre e se revive, não se esquece, a alma lembra!!
Só desejo que seja útil!!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s